CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

Ciências Biológicas

O curso

O estudo de Ciências Biológicas deve possibilitar a compreensão de que a vida se organizou por meio do tempo, sob a ação de processos evolutivos, tendo resultado em uma diversidade de formas sobre as quais continuam atuando as pressões seletivas. Esses organismos, incluindo os seres humanos, não estão isolados. Ao contrário, constituem sistemas que estabelecem complexas relações de interdependência. O entendimento dessas interações envolve a compreensão das condições físicas do meio, do modo de vida e da organização funcional interna, próprios das diferentes espécies e sistemas biológicos. Uma particular atenção, contudo, deve ser dispensada às relações estabelecidas pelos seres humanos, dada a sua especificidade. Em tal abordagem, os conhecimentos biológicos não se dissociam dos sociais, dos políticos, dos econômicos e dos culturais (DCNs).

De acordo com o estabelecido na Resolução nº 227, de 18 de agosto de 2010, que dispõe sobre a regulamentação das Atividades Profissionais e das Áreas de Atuação do Biólogo, fica estabelecido o seguinte:

1.       Meio Ambiente e Biodiversidade

Aquicultura – gestão e produção; arborização urbana; auditoria ambiental; bioespeleologia; bioética; bioinformática; biomonitoramento; biorremediação; controle de vetores e de pragas; curadoria e gestão de coleções biológicas, científicas e didáticas; desenvolvimento, produção e comercialização de materiais, de equipamentos e de kits biológicos; diagnóstico, controle e monitoramento ambiental; ecodesign; ecoturismo; educação ambiental; fiscalização/vigilância ambiental; gestão ambiental; gestão de bancos de germoplasma; gestão de biotérios; gestão de jardins botânicos; gestão de museus; gestão da qualidade; gestão de recursos hídricos e de bacias hidrográficas; gestão de recursos pesqueiros; gestão e tratamento de efluentes e de resíduos; gestão, controle e monitoramento em ecotoxicologia; inventário, manejo e produção de espécies da flora nativa e exótica; inventário, manejo e conservação da vegetação e da flora; inventário, manejo e comercialização de microrganismos; inventário, manejo e conservação de ecossistemas aquáticos – límnicos, estuarinos e marinhos; inventário, manejo e conservação do patrimônio fossilífero; inventário, manejo e produção de espécies da fauna silvestre nativa e exótica; inventário, manejo e conservação da fauna; inventário, manejo, produção e comercialização de fungos; licenciamento ambiental; Mecanismos de Desenvolvimento Limpo (MDL); microbiologia ambiental; mudanças climáticas; paisagismo; perícia forense ambiental/biologia forense; planejamento, criação e gestão de Unidades de Conservação (UC)/Áreas protegidas; responsabilidade socioambiental; restauração/recuperação de áreas degradadas e contaminadas; saneamento ambiental; treinamento e ensino na área do meio ambiente; e biodiversidade.

2.       Saúde

Aconselhamento genético; análises citogenéticas e citopatológicas; análises clínicas (a Resolução em nada altera o disposto nas Resoluções nº 12/1993 e nº 10/2003); análises de histocompatibilidade; análises e diagnósticos biomoleculares; análises histopatológicas; análises, bioensaios e testes em animais; análises, processos e pesquisas em banco de leite humano, em banco de órgãos e de tecidos, em banco de sangue e de hemoderivados, e em banco de sêmen, de óvulos e de embriões; bioética; controle de vetores e pragas; desenvolvimento, produção e comercialização de materiais, de equipamentos e de kits biológicos; gestão da qualidade; gestão de bancos de células e de material genético; perícia e biologia forense; reprodução humana assistida; saneamento saúde pública/fiscalização sanitária, saúde pública/vigilância ambiental, saúde pública/vigilância epidemiológica e saúde pública/vigilância sanitária; terapia genética e celular; treinamento e ensino na área da saúde.

3.       Biotecnologia e Produção

Biodegradação; bioética; bioinformática; biologia molecular; bioprospecção; biorremediação; biossegurança; cultura de células e de tecidos; desenvolvimento e produção de Organismos Geneticamente Modificados (OGMs); desenvolvimento, produção e comercialização de materiais, de equipamentos e de kits biológicos; engenharia genética/bioengenharia; gestão da qualidade; melhoramento genético; perícia/biologia forense; processos biológicos de fermentação e de transformação; treinamento e ensino em biotecnologia e em produção.

 

Considerando o desenvolvimento da Ciência e da Tecnologia, assim como a evolução do mercado de trabalho, outras áreas de atuação poderão ser incorporadas após deliberação pelo CFBio.

Os Biólogos são profissionais que tem um vasto campo de atuação no mercado. Como professor, sabe-se, que o ensino público brasileiro sofre um déficit de professores do ciclo fundamental e médio, onde o Ministério da Educação (MEC) está em estado de alerta para a contratação de emergencial destes profissionais ligados às áreas de biologia, física química e matemática. A grande preocupação com o meio ambiente envolvendo o aquecimento global e as diversas interferências humanas no planeta, a economia terá que se reestruturar com novas atividades que estejam mais integradas com a questão ambiental. E ainda com o crescimento da industrialização de áreas urbanas são necessários pareceres de Impacto ambiental. E para isso, os Biólogos são profissionais preparados para este desafio.

Ementa:> Estrutura geral de células animais e vegetais. Métodos de estudo das células. Bases moleculares da constituição celular. Estrutura das células animais e vegetais: organelas (Morfologia X Citofisiologia). Núcleo e nucléolo. Mecanismos de movimentação celular. Organelas transdutoras de energia. Atividades práticas de Citologia. Prática de formação.

Ementa:> Introduçao a Ecologia. Conceitos Basicos. Fatores ecológicos. Ambiente físico: caracterísiticas, adaptações, clima, topografia, solos, diversidade. Ambiente biótico: interações no meio ambiente. Ecossistemas: conceitos gerais, fluxo de energia e matéria, produtividade e ciclos biogeoquímicos. Meio ambiente como ferramenta didática. Aspectos práticos e lúdicos aplicados ao ensino de ecologia. Biosfera: aspectos e teorias gerais, principais ecossistemas da Terra, ecossistemas brasileiros.

Ementa:> Fundamentos filosóficos e sociológicos da educação como conhecimento e prática social, contextualizada historicamente. Noções básicas dos condicionantes históricos que moldaram o atual sistema de ensino brasileiro: problemas, tendências e perspectivas.

Ementa:> A noção de linguagem como interação e o domínio de mecanismos linguísticos (gramaticais) e discursivos que permitam ao usuário da língua não só a leitura eficiente de textos variados, mas também a produção deles, a fim de que possa interagir e atuar sobre o(s) outro(s), social e profissionalmente.

Ementa:> Função do primeiro grau. Função do segundo grau. Exponencial e Logaritmo. Trigonometria. Derivada. Integral.

Ementa:> Rotinas e ferramentas acadêmicas do curso e da instituição. Hábitos e técnicas de estudo. Técnicas, procedimentos e estratégias de desenvolvimento de trabalhos acadêmico-científicos. Atividades programadas pelas disciplinas do período. Trabalho Interdisciplinar (TI).

Ementa:> O átomo moderno- Ligação iônica- Ligação covalente- Ácidos- Bases- Sais, Óxidos- Teorias e leis - Aulas práticas – Práticas de formação no magistério.

Carga Horária Total do Semestre: 400 horas.

Ementa:

Ementa:> Estudo morfogênico e funcional dos sistemas genitais masculino e feminino. Gametogênese. Fertilização. Implantação. Desenvolvimento embrionário e fetal. Anexos embrionários. Parto cesáreo X normal.

Ementa:> Unidades de medida e conversões. Energia: transformações e transferências de energia. Termodinâmica. Fenômenos ondulatórios. Radiobiologia

Ementa:> - Célula Vegetal: parede celular, plastídeos; sistemas de endomembranas; sistema vacuolar; substâncias ergásticas. - Histologia vegetal: meristemas primários e secundários e intercalar; parênquima; colênquima e esclerênquima; xilema e floema; epiderme e periderme; estruturas secretoras.

Ementa:> Conceitos iniciais básicos sobre deficiência auditiva (surdez) e indivíduo surdo: identidade, cultura e educação. Desenvolvimento das línguas de sinais e a Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS. Noções básicas de estrutura linguística da LIBRAS e sua gramática.

Ementa:> Rotinas e ferramentas acadêmicas do curso e da instituição. Hábitos e técnicas de estudo. Técnicas, procedimentos e estratégias de desenvolvimento de trabalhos acadêmico-científicos. Atividades programadas pelas disciplinas do período. Trabalho Interdisciplinar (TI).

Carga Horária Total do Semestre: 340 horas.

Ementa:> Componentes Dietéticos, metabolismo celular e transferência de energia. Anabolismo e catabolismo de carboidratos, lipídeos e proteínas. Balanço energético, regulação e integração do metabolismo. Principais desordens referentes ao metabolismo.

Ementa:> Estuda os sistemas esquelético, articular, muscular, circulatório, respiratório, digestório, urinário, genitais feminino e masculino e nervoso do corpo humano, em uma perspectiva orgânica morfofuncional.

Ementa:> Estudo morfogênico e funcional dos Tecidos animais: Epiteliais, Conjuntivos, Musculares e Nervoso. Prática de Formação.

Ementa:> Rotinas e ferramentas acadêmicas do curso e da instituição. Hábitos e técnicas de estudo. Técnicas, procedimentos e estratégias de desenvolvimento de trabalhos acadêmico-científicos. Atividades programadas pelas disciplinas do período. Trabalho Interdisciplinar (TI).

Ementa:> Características e instâncias da aprendizagem, novos conceitos de inteligência, contribuições de Jean Piaget, Vigotski e Henri Wallon, para a construção das Teorias de Desenvolvimento e Aprendizagem. A inclusão escolar e o papel do professor. Dificuldades no processo ensino-aprendizagem.

Ementa:> Estudo morfo-fisiológico, evolutivo, comparado e sistemática dos: protozoários, poríferos, cnidários, platelmintos, nemátodos, anelídeos, moluscos, artrópodes e equinodermos. Atividades relacionadas a estes grupos de animais, como prática de formação, para aplicação em sala de aula do Ensino Fundamental e Médio.

Carga Horária Total do Semestre: 400 horas.

Ementa:> Identificação do material genético. Genética molecular. Regulação da expressão gênica. As bases físicas da hereditariedade.

Ementa:> Estudo teórico e prático de alguns aspectos da estrutura e dinâmica de populações animais e vegetais, além de suas interações com os fatores bióticos e abióticos; padrões de distribuição espacial de comunidades animais e vegetais; adaptações coevolutivas na interação predador x presa;mutualismo dispersivo - zoofilia e zoocoria; ecologia aplicada - controle biológico.

Ementa:> Didática: histórico, concepções e finalidades. Tendências pedagógicas e suas influências no processo ensino-aprendizagem. O planejamento como instrumento da ação educativa.Métodos de ensino. A relação professor-aluno. Modalidades e instrumentos de avaliação e suas respectivas funções.

Ementa:> Rotinas e ferramentas acadêmicas do curso e da instituição. Hábitos e técnicas de estudo. Técnicas, procedimentos e estratégias de desenvolvimento de trabalhos acadêmico-científicos. Atividades programadas pelas disciplinas do período. Trabalho Interdisciplinar (TI).

Ementa:> Estudo morfofisiológico comparado e sistemático dos protocordados, “peixes”, anfíbios, “répteis”, aves e mamíferos. Noções de Zoogeografia. Atividades relacionadas a estes grupos de animais, como prática de formação, para aplicação em sala de aula do Ensino Médio.

Carga Horária Total do Semestre: 360 horas.

Ementa: Referencial básico da disciplina Estágio Curricular Supervisionado II. Realização de atividades realizadas em laboratórios do UNIPAM (treinamento de serviços)OU EMPRESAS. Execução do plano de serviço na empresa ou nos laboratorios com a parceria da empresa - desenvolvimento de 40 a 60 horas práticas em laboratórios de ensino ou laboratórios empresariais e avaliação

Ementa: Teoria da ecologia comportamental, referente a alimentação, fisiologia, defesa, territorialidade, comunicação, reprodução e de interações. Ao final da disciplina, o aluno terá ferramentas necessárias para ser capaz de elaborar hipóteses com relação a teoria apresentada, assim como para elaborar e tetar premissas referentes as hipóteses.

Ementa: Introdução à Microbiologia Clínica. O laboratório de Microbiologia clínica no diagnóstico de doenças infecciosas. Diagnóstico das doenças infecciosas do trato respiratório. Diagnóstico das doenças infecciosas do trato urinário. Diagnóstico das doenças do trato genital. Diagnóstico das doenças infecciosas do trato gastrointestinal. Diagnóstico das doenças infecciosas do sangue. Diagnóstico das doenças infecciosas da pele, feridas e abscessos. Diagnóstico das doenças infecciosas causadas por fungos filamentosos. Diagnóstico das doenças infecciosas causadas por leveduras. Vírus de importância clínica. Diagnóstico das doenças infecciosas causadas por vírus.

Ementa: Introdução à Microbiologia de Alimentos. Fatores que determinam o crescimento microbiano nos alimentos. Mecanismos de patogenicidade e defesa. Doenças de veiculação hídrica e transmitidas por alimentos. Deterioração microbiana de alimentos. Análise de perigos e pontos críticos de controle – APPCC. Critérios microbianos para avaliação da qualidade de alimentos. Análise microbiológica de água, laticínios, produtos cárneos, hortifrutigranjeiros. Avaliação de esterilidade comercial. Interpretação de resultados e emissão de laudos.

Ementa: Métodos de estudos em biologia da conservação e manejo da vida silvestre: estudos faunísticos e florísticos. Levantamento florístico e fitossociológico dos diferentes estratos (herbáceas, rupícolas, epífitas, lianas, arbustivas e arbóreas). Levantamento e monitoramento faunístico (peixes, aves, répteis, anfíbios, mamíferos e invertebrados): principais técnicas de amostragem. Utilização de indicadores biológicos (biomonitoramento e ensaios ecotoxicológicos). Fatores ambientais que interferem na qualidade do monitoramento biótico.

Ementa: Estudo ecológico e bioquímico do parasitismo. Parasito-hospedeiro e seu relacionamento. Patogenia, sintomatologia, diagnóstico clínico e laboratorial, epidemiologia e profilaxia das parasitoses. Desenvolvimento de métodos, técnicas e interpretações dos diversos exames aplicados no Laboratório de Análises Clínicas.

Ementa: Estudo dos processos patológicos gerais que acometem os órgãos e tecidos no corpo humano. Métodos de estudo usados na Patologia geral e ênfase à etiopatogênese – causas e mecanismos envolvidos nos processos patológicos. Alterações morfológicas provocadas por processos patológicos.

Ementa: Produzir, redigir e defender um projeto de pesquisa científica em qualquer área do curso de Ciências Biológicas, com pesquisa bibliográfica/ webliográfica e pesquisa de campo ou laboratorial. A orientação é feita por um professor do Centro Universitário de Patos de Minas - UNIPAM.

Carga Horária Total do Semestre: 500 horas.

Ementa: Os diferentes conceitos propostos para o Cerrado. O clima e o solo em que é encontrado. Os estresses ambientais impostos pelos fatores abióticos. As hipóteses propostas para explicar sua ocorrência e seu gradiente fisionômico. A riqueza e a diversidade de sua flora. A maneira pela qual a flora do Cerrado está distribuída dentro da região de ocorrência. Os padrões de floração e frutificação. As adaptações das plantas aos estresses impostos pelo fogo e pela seca. As ameaças antrópicas e as maneiras pela qual o cerrado pode ser conservado. Composição e caracterização da fauna e sua relação com o ambiente de cerrado.

Ementa: Introdução ao Estudo do Direito. Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos. Direito Ambiental: Surgimento; fundamentos; Política Nacional do Meio Ambiente e SISNAMA; instrumentos da PNMA; espaços territoriais especialmente protegidos; responsabilidade pelo dano ambiental.

Ementa: Referencial básico da disciplina Estágio Supervisionado. Execução do projeto de intervenção com o foco voltado para a área de atuação do Laboratório de Ensino e/ou da empresa cedente . Nas empresas o projeto poderá envolver Gestão Ambiental, Educação Ambiental, ou Controle e Monitoramento ambiental. Elaboração e avaliação de relatórios das atividades desenvolvidas nos treinamentos internos realizados em laboratórios ou setores prestadores de serviço do campus, ou empresas externas. Discussão e análise dos projetos que estão sendo desenvolvidos e que culminarão nas monografias.

Ementa: Gestão de resíduos sólidos no Brasil. Gerenciamento integrado de resíduos sólidos. Origem, definição e características dos resíduos. Acondicionamento. Coleta e transporte de resíduos sólidos. Transferência de resíduos. Limpeza de logradouros públicos. Recuperação de recicláveis. Tratamento de Resíduos Sólidos Urbanos. Disposição Final.

Ementa: Origem dos Programas de Monitoramento Ambiental. Características ambientais e qualidade analítica. Elaboração de Programas de Monitoramento Ambiental. Monitoramento Limnológico e da Qualidade da Água. Monitoramento dos Padrões de Potabilidade e Balneabilidade. Monitoramento da eficiência de sistemas de tratamento de efluentes. Monitoramento das águas subterrâneas. Monitoramento do solo. Monitoramento do ar. Monitoramento de ruídos.

Ementa: Relação homem-natureza. Tomada da consciência ambiental. A importância da gestão ambiental. O conceito de desenvolvimento sustentável. Perspectiva holística e sistêmica dos paradigmas sócio-ambientais da atualidade. Princípios e procedimentos do desenvolvimento sustentável. Procedimentos de implantação da gestão ambiental. Análise de riscos. Manejo de ecossistemas.

Ementa: Trabalho de Conclusão de Curso, resultado de atividades e questões mais significativas do processo de formação profissional do Bacharel em Ciências Biológicas.

NORMA APARECIDA BORGES BITAR

NORMA APARECIDA BORGES BITAR

E-mail: norma@unipam.edu.br

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Patos de Minas (1976) e mestrado em Ciências Ambientais pela Universidade do Estado de Minas Gerais...

Acesse o Currículo: Clique Aqui


CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

Estabelecidos no ESTATUTO conforme Art. 117 ao Art. 123.

ACESSE O ESTATUTO

Laboratórios e Ambientes

Laboratório de Fisiologia e Biofísica, Nutrição Experimental, Farmacologia e Toxicologia
Laboratório de Fisiologia e Biofísica, Nutrição Experimental, Farmacologia e Toxicologia

Saiba mais





4

ENADE

CONCEITO MEC

Grau:
Bacharelado Licenciatura

Duração:
6 Semestres

Vagas:
Noturno: 50 vagas

Mensalidade:
Ingressantes 2019 bacharel: R$ 698,00
Ingressantes 2019 Valor com Bolsa Licenciatura: R$ 598,00 

Selo Ciências Biológicas

Avise-me sobre o próximo Vestibular

Notícias Recentes






Última atualização: 02/07/2018 17:30

Eventos